Filmes

Sessão Psicologia | Meninas Malvadas e Piaget

O clássico da cultura pop possui uma forte relação com a teoria piagetiana a respeito da adolescência.

045

Meninas Malvadas, de 2004, foi uma comédia romântica dirigida por Mark Waters, responsável pela direção de Sexta Feira Muito Louca (2003). A produção conquistou, desde o seu lançamento no início dos anos 2000, um público forte, além de ter se tornado uma das grandes referências em filmes do gênero. Apesar de ser um filme voltado para o público adolescente, a produção de Waters já foi analisada e estudada dentro das academias, principalmente pela sua forte relação com Jean Piaget, quando ela explana a respeito de uma das fases do desenvolvimento humano, a adolescência.

O desenvolvimento mental de um sujeito tem as suas bases formadas através da interação deste com o meio, que ocorrerá através de um processo interno de organização e de um processo externo de adaptação. Ou seja, as estruturas mentais são formadas ao longo do desenvolvimento do sujeito, através de suas interações com o meio ao utilizar de dois processos básicos: acomodação e assimilação.  O processo de acomodação leva o sujeito a sobreviver à realidade apresentada pelo meio e a assimilação acontece quando a realidade adapta-se às necessidades do indivíduo.

482

Dentro da teoria piagetiana, o desenvolvimento humano é dividido em fases, as quais ele chamará de: Sensório-motor; Pré-operacional; Operacional Completo; e Operações Formais, que corresponde à fase da adolescência. Durante essa última fase, o sujeito afasta-se de sua família, negando qualquer conselho ou aviso de adultos, porém, ao mesmo tempo, a sua base reflexiva está inserida na sociedade. Assim, ao mesmo tempo em que deseja afastar-se de seus pais, ele ainda depende deles.

592

E, ainda durante essa fase do desenvolvimento, percebe-se que as suas relações sociais com outros adolescentes irão determinar as suas roupas e a sua forma de comunicação. O clássico de 2004 retrata muito bem isso quando a personagem Cady Heron (Lindsay Lohan) começa a fazer parte do grupo das “abelhas rainhas”. Ao entrar naquele grupo, o seu comportamento passa a ser determinado pelo comportamento social do grupo como um todo. A personagem de Lohan muda a sua forma de agir, pois a partir do momento em que um sujeito começa a fazer parte de um determinado grupo, ele passa a ser aquele grupo. Aqui, podemos perceber uma forte relação entre a teoria piagetiana e os grupos operativos de Pichon-Riviére, o teórico da Psicologia Social que aborda as funções e os comportamentos de um determinado grupo social.

Apesar de Meninas Malvadas ser uma obra voltada ao público juvenil, a sua forte relação com a teoria de Piaget acabou o transformando em um clássico psicológico, provando que filmes que relacionam-se com a psicologia vão além de Psicose (1960) ou Laranja Mecânica (1972).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s